ParaPraPensar.com

O SENHOR É BOM!

“Pois o Senhor é bom! Seu amor dura para sempre, e sua fidelidade, por todas as gerações”. Salmo 100:5 (NVT)

Todo o Salmo 100 é um louvor ao Senhor Deus, e o versículo 5 o fecha com chave de ouro. Os quatro primeiros versículos falam sobre ações: aclamar, servir, apresentar, reconhecer, entrar, dar, e louvar. Entretanto, ao chegarmos no último versículo nós encontramos um porque para as ações anteriormente ditas. Antes de tudo, este versículo nos lembra de algo que, independente das adversidades da vida, jamais podemos esquecer: o Senhor é bom! Mas neste salmo encontramos não apenas essa ênfase à bondade do nosso Deus, encontramos também louvor ao seu amor e fidelidade.

Read More

SOMOS POBRES DE ESPÍRITO?

“Bem-aventurados os pobres em espírito, pois deles é o Reino dos céus”. Mateus 5:3 (NVI)

No capítulo 5 de Mateus nós encontramos, como escreveu John Wesley, oito exemplos da verdadeira religião, e o primeiro exemplo é por onde geralmente se se inicia o caminhar no cristianismo genuíno: a pobreza de espírito. Mas o que é ser pobre de espírito? E será que todos nós podemos ou devemos ser?

Read More

ENSINA-ME A FAZER A TUA VONTADE!

“Ensina-me a fazer a Tua vontade, pois tu és o meu Deus”. Salmos 143:10a (NVI)

Quando nós oramos, como oramos? Apresentamos ao Senhor Deus as nossas petições e exigimos que Ele as concretize? Ou reconhecemos nossa posição de servos e nos apresentamos desejosos em conhecer a vontade do nosso Senhor e Rei? O Salmista, neste texto, apresenta-se como alguém que deseja conhecer a vontade do Senhor, não apenas conhecer como também praticá-la, pois o que seria para nós melhor que a vontade do nosso Pai Celeste?

Read More

SÓ DEVAM AMOR!

“Não devam nada a ninguém, a não ser o amor de uns pelos outros, pois aquele que ama seu próximo tem cumprido a lei”. Romanos 13:8 (NVI)

Este versículo me chamou bastante atenção quando o li, pois o mesmo trata de uma dívida, e claramente diz para que não sejamos devedores aos outros, exceto em algo, amor. Ou seja, não é que você deve ficar “devendo” por não amar, mas que você deve amar sem medida, deve amar como nos ensina nosso Senhor.

E porquê devemos amar assim? Pois nisso temos cumprido a Lei, afinal de contas o “não adulterarás”, “não matarás”, “não furtarás”, “não cobiçarás”, são todos inclusos neste mandamento de amar ao próximo como a si mesmo”. Eu não desejo ser furtado nem morto por exemplo, e se eu amo alguém como a mim mesmo, não devo fazer isto com esta pessoa. E assim seguiremos cumprindo os mandamentos do Senhor Deus.
Read More

AMAR É OBEDECER!

“Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos. João 14:15 (NVI)

No relacionamento com Deus, amor está sempre intrinsecamente ligado à obediência. Ninguém pode dizer que ama a Deus se é desobediente aos Seus mandamentos. É necessário que aprendamos a viver o dia de hoje em submissão fiel a Deus. Pois só assim a nossa vida será uma vida de submissão a Ele. Não faz sentido querer viver uma vida de obediência a Deus e à Sua Palavra amanhã. Esta obediência tem que ser vivida hoje. Agora!

Devemos obedecê-Lo com nossas atitudes, e não apenas com nossas palavras. O nosso problema é que, muitas vezes, boa parte das coisas que falamos não condiz com nossa maneira de viver. É quase como aquela frase “faça o que falo, mas não faça o que faço”. Nós precisamos unir ortodoxia e ortopraxia, ou seja, o ensino correto das Escrituras e a prática correta deste ensino. Isto é o mais difícil.
Read More

Páginas:12345