ParaPraPensar.com

“SIGA-ME”, UM CONVITE À COMUNHÃO.

Quando Jesus diz “siga-me”, que convite, na verdade, é feito? Será que um convite a fazer parte de um clubinho religioso que se encontra aos domingos? Ou será que este convite envolve algo mais sério e urgente? Ao dizer-nos “siga-me”, Jesus não apenas nos chama, mas nos convoca a ter e viver uma nova vida, diferente de tudo antes vivido.

Deus é luz, e o “siga-me” do Cristo é uma chamada a andarmos na luz, assim como ele está na luz. Preste atenção, Deus é luz, sem sequer uma mínima sombra, não há variação em Seu ser. O “siga-me” dito por Deus na pessoa do Cristo não é apenas um convite à eternidade, ou ao sofrimento, mas principalmente é um convite à comunhão com Ele, pois tanto a eternidade quanto os sofrimentos dessa vida devem ser vividos junto ao nosso Senhor e Salvador Jesus.

Ao dizer “siga-me”, Jesus não nos chama a seguir os seus passos de longe, mas a andar ao Seu lado. Ele quer ,de nós ,que tenhamos comunhão com Ele. Foi para nos reconciliar com o Pai que Deus Filho sofreu até a morte, e essa reconciliação nos dá a graça do perdão divino, o direito de ser feito filho de Deus e, dentre outras coisas, a eternidade em comunhão com o Criador.

Que o Senhor nos guarde em comunhão com Ele todos os dias, para a Sua glória. Amém

Victor Augusto


Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor e o blog www.paraprapensar.com, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

Facebook Comments