ParaPraPensar.com

ÁGUA VIVA!

“Nisso, uma mulher de Samaria veio tirar água. Pediu-lhe Jesus: “Dá-me um pouco de água para beber.” Pois seus discípulos haviam ido à cidade comprar alimentos. Então lhe respondeu a mulher de Samaria: “Como, sendo tu judeu, pedes de beber a mim, uma mulher samaritana?” (Pois os judeus não se relacionam bem com os samaritanos.) Jesus respondeu a ela: “Se conhecesses o dom de Deus e quem é o que te pede: ‘da-me de beber’, tu lhe pedirias, e Ele te daria água viva. Indagou a mulher: “SENHOR, tu não tens com que pegar água, e o poço é fundo; onde tu podes conseguir essa água viva? Acaso tu és maior do que nosso pai Jacó que nos deu o poço, do qual ele mesmo bebeu e, bem assim, seus filhos e seu gado?” Jesus afirmou-lhe: “Quem beber dessa água terá sede outra vez; aquele, porém, que beber da água que Eu lhe der nunca mais terá sede. Ao contrário, a água que Eu lhe der tornar-se-á nele uma fonte de água jorrando para a vida eterna.” A mulher lhe pediu: “SENHOR! Dá-me dessa água, para que eu não tenha mais cede, nem precise voltar aqui para tirar água”. João 4:7-15 (KJA)

Depois de Jesus ter, cansado, sentado junto ao poço de Jacó, chegou para retirar água uma mulher samaritana e Jesus lhe pediu água para beber. Jesus estava sozinho ali porque os discípulos tinham ido comprar comida. Mas a mulher questionou a Jesus por seu pedido, tendo em vista que os judeus e os samaritanos tinha uma rixa entre si, perguntou a Jesus, então: “Como, sendo tu judeu, pedes de beber a mim, uma mulher samaritana?”

Diante do questionamento feito pela samaritana, Jesus magnificamente lhe responde dizendo que se ela ao menos conhecesse o maravilhoso dom de Deus e quem estava pedindo, seria ela quem pediria água viva. Em outras palavras, o que Jesus disse àquela foi: “você não consegue compreender dom maravilhoso que Deus deu, a saber, eu mesmo, este que está a te pedir água, se você compreendesse não perderia tempo em você me pedir água, mas não dessa água que você veio buscar, me pediria água, mas não dessa água do poço, me pediria água vida”.

Depois de ouvir isso da boca do Senhor Jesus, a mulher novamente lhe indagou o menosprezando por Ele nem sequer ter com o que pegar a água do poço, já que a pediu para lhe dar água, como então ele conseguiria essa tal água viva? E, sem saber ainda com quem falava, comparou a Jesus com Jacó, patriarca daquele povo, dizendo: “Acaso és maior que nosso pai Jacó, que nos deu o poço e bebeu dessa água, assim como seus filhos e seu gado?” Ora, em outras palavras, disse a mulher, se Jacó, bebeu dessa água, e nos deu para beber, quem você é para dizer que tem uma água melhor que essa? Entretanto, mais uma vez, espetacularmente Jesus lhe respondeu, dizendo: “Quem beber dessa água terá sede outra vez; aquele, porém, que beber da água que Eu lhe der nunca mais terá sede. Ao contrário, a água que Eu lhe der tornar-se-á nele uma fonte de água jorrando para a vida eterna.” Daí para frente, as coisas começam a fazer mais sentido para aquela mulher, que depois de ouvir tais palavras pede ao Senhor: “Dá-me dessa água, para que eu não tenha mais cede.

E nós, como temos nos portado? Temos compreendido o magnifico dom de Deus e quem é Aquele que nos dá a água da vida? Ah, quão maravilhoso é saber que quem dessa água bebe não mais sente sede, não me refiro a sede natural, pois não é disso que o Senhor trata quando fala da água da vida, não é uma questão física, é uma questão espiritual. Quem bebe da água daquele poço, como de qualquer outra fonte, tornará a sentir sede, mas quem beber da água que Ele der, tornará em si uma fonte de água jorrando sem fim, dando-lhes a vida eterna.

Que bebamos desta água e em nós haja uma fonte que jorra sem parar para a vida eterna, para a glória Dele, amém!

Victor Augusto


Para ler mais posts da série "APRENDENDO COM O EVANGELHO DE JOÃO", clique aqui

Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor e o blog www.paraprapensar.com, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.

Facebook Comments